51 Views

Você é o outro em mim

O egoísmo e o isolamento empobrecem nossa subjetividade.

Estamos vivendo tempos difíceis. Tempos que estão nos mostrando escancaradamente que não já iremos muito mais adiante sem o outro.

Na verdade, sinto que a vida nunca foi tão literal em sua mensagem: não há mais espaço para o egoísmo e o isolamento! (vcs percebem?) São comportamentos que nos fragilizam e nos enfraquecem, pois quando nos fechamos em nosso próprio mundo também perdemos a referência de nós mesmos. Só conseguimos transformar os conceitos e julgamentos que carregamos sobre nós mesmos, diante do olhar do outro.

Somos seres relacionais por natureza e a ausência ou escassez de verdadeiras conexões humanas nos empobrece nossa subjetividade, o que nos torna débeis para enfrentar os desafios da vida.

Tenho compreendido cada vez mais que o meu mundo apenas não é o bastante e que eu me curo, me alimento e me fortaleço através do outro que me acolhe, me ensina e que também me desafia.

Penso no meu corpo e imagino a imensa quantidade de substâncias químicas que são cruzadas e sintetizadas a todo instante dentro de mim para que eu tenha um organismo saudável, que se regenera constantemente.

Acredito que, assim como o meu corpo, a saúde do meu estado mental e emocional está diretamente ligada à minha capacidade de sintetizar dentro de mim um pouco da essência que cada ser humano traz dentro de si. E assim, quanto mais pessoas eu me conecto de maneira profunda e sincera, mais eu expando e enobreço os meus valores e a minha consciência sobre mim mesma.

A vida sempre é mais viva diante de outra vida.

Abra-se!


Por: Komala Roberta

Gostou? Compartilhe!
  •  
  •  
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Imperdível

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados