431 Views

Ela e ele

Sobre pares improváveis.

Ele, reservado,
Um cara centrado,
E muito elegante.

E ela, metida a artista,
Metade jurista,
E super falante.

Ela querendo uma casa,
Talvez uns quatro filhos,
E algumas viagens.

E ele, um apê moderno,
Quem sabe um cachorro,
e uma boa paisagem.

Ela sonhando conhecer o mundo,
Amando aromas, sabores,
E observar a natureza.

E ele querendo os melhores restaurantes,
Conversas bem cultas,
E uma vida de certezas.

E eles se entendem
Assim, desse jeito
Meio bagunçado.
Se ela se comunica
Na língua do amor
Ele pisca o olho
E entende o recado.

E qualquer um enxerga
Que eles não têm
Nem nunca vão ter
Nadinha a ver

Mas há certa beleza
Em se viver…
Um amor improvável
Que era pra ser.


Por: Ana Nunes

Gostou? Compartilhe!
  •  
  •  
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
63

Imperdível

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados